Um lugar dos Deuses: Ilhas Eólias

Para muitos turistas, o importante é buscar uma experiência única, diferente do lugar “comum”. É possível conseguir isso e ainda conseguir um bónus adicional: saúde!
 
No sudoeste da costa italiana, encontram-se sete ilhas que formam um dos mais belos patrimônios da humanidade reconhecidos pela Unesco. 
 
Caracterizadas por cores vivas e por costas batidas por mares tempestuosos, as Eólias ostentam uma longa relação com as vidas dos deuses gregos e romanos. Bastam duas semanas em Junho, Julho ou Agosto para compreender como são especiais estas paragens. 
 
As Ilhas Eólias são formações geológicas recentes, marcadas por uma paisagem exótica, uma atmosfera serenamente selvagem, vulcões ativos e um mar cristalino. O arquipélago é um dos mais deslumbrantes pontos de mergulho europeus. É procurado pelas areias monazíticas (tipo de areia preta – pouco comum – que possui uma concentração natural de minerais pesados) e águas sulfurosas (à base de enxofre) aquecidas, em algumas de suas praias. 
 
As sete ilhas principais -Alicudi Filicudi, Lipari, Panarea, Salina, Stromboli e Vulcano- e as ilhas menores são um paraíso para os amantes de sol e mar, mas também para os esportistas, amantes tanto de esportes aquáticos, como de trekking. A subida até ao topo de diferentes montanhas de origem vulcânica permite encontrar e admirar uma vista magnífica.
 
As constantes erupções do vulcão Stromboli fazem desta ilha a mais procurada. Mas, o fascínio de Stromboli está também na variedade de paisagens que oferece. Nas encostas viradas a leste, sobre um manto verde de vegetação luxuriante, surgem aglomerações mais ou menos organizadas de casas típicas, brancas e simples. 
 
Vulcano, é árida e reserva duas grandes atrações: a cratera de seu vulcão e a Termale dei Fanghi, uma enorme poça de lama quente e sulfurosa, cujas qualidades terapêuticas encantam os turistas.
 
Este arquipélago foi colonizado pelos gregos por volta de 580 a.C., que lhe deram o nome de Éolo, Deus dos Ventos. Segundo a mitologia grega, as ilhas Eólias eram habitadas por Éolo, filho de Posídon, Deus dos Ventos (de onde vem a energia eólica). 
Ali ocorreu, em 260 a.C., a batalha de Lípari, a primeira batalha naval da Primeira Guerra Púnica, com a vitória da frota cartaginesa sobre a frota romana.

Consulte-nos

EMO7ION TOUR

Experts in the Art of Travel
Especialistas em Turismo Personalizado

TRAVEL DESIGNERS

Trabalhamos com Arte,
Criamos com Paixão!

Viagens Globais Personalizadas
Parceladas em até 12 vezes!
Contacte-nos! Venha saber o quanto é EMO7IONANTE conhecer-nos!

Working with Art,
Creating with Passion!
Come along! Come learn how EXCI7ING it is to know us!

Phones, Cell & Whatsapp
+55 71 3032 0700
+55 71 99334 0015
+55 71 99204 0661
+55 71 99361 0035

emo7ion@emo7iontour.com

Rua Fernando Menezes de Góes 73, Sala 309
Pituba, 41810 – 700 Salvador, Bahia, Brasil

Deixe uma resposta